6.6.09

Esboço e arte final (1)

Frequentemente percebo nas pessoas uma grande curiosidade em saber como era uma ilustração na fase embrionária dos esboços. Postarei uma série dessas aqui.
Imagino que, para um diretor de arte que lida diariamente com ilustradores, esta deve ser uma das coisas mais apaixonantes na profissão: acompanhar de perto o desenvolvimento de uma imagem.

5 comentários:

SPACCA É... disse...

belo clima, Alarcão.
as modificações para a arte-final foram mínimas, no desenho das carteiras.
para o que é essa ilustração?
e essa palmatória pendurada na parede? Vc pesquisa muito ou deixa a memória e imaginação conduzirem? (obviamente a palmatória é só de ouvir falar...)
abs
sp

Julio Carvalho disse...

Seria abuso pedir pra dizer qual técnica usou?

Vou acompanhar e aguardar a próxima,


abraço,


Julio.

Alarcão disse...

Caro Spacca,
Esta ilustração foi para o texto do Machado de Assis, "Conto de Escola".
Naquele tempo, imagino, uma palmatória pendurada na parede talvez fosse necessária para lembrar os alunos que estudar era muito importante.

SPACCA É... disse...

pois é, no mesmo dia em que postei, conversei com um parente de tarde - cara jovem, 50 e poucos, mineiro - que apanhou de palmatória na infância, em casa.
Era de carnaúba.
Está mais perto de nós do que eu supunha...
abs
sp

Frei Paulo em 24 horas disse...

A princípio sou seu fã e muitos amigos meus hj gostam de ilustração por ter visto seus trabalhos. espero que vc venha a Sergipe para uns cursos, tenha certeza que não faltará alunos. E sobre a palmatória, eu tenho 33 anos, e estudava em uma escola de padres,nno interior de Sergipe - Frei Paulo e apanhei muito de palmatória. Espessura de 3 cm, madeira muitssimo rígida. Hj vejo que minha geração, por ainda ter apanhado de palmatória, sabe da importãncia da educação em nossas vidas. Todos tiveram caminhos de sucesso em suas vidas. www.kawek.com.br/jeancarlo