17.5.07

Cristo Maravilha



Aqui vai um desenho que fiz na madrugada de ontem (do mesmo ângulo que vemos do ateliê Marimbondo). Fim de tarde pesadamente nublado e o Redentor abençoando esta cidade que teima em ser maravilhosa...

Foi em 1859 que primeiro surgiu a idéia de construir uma estátua no Corcovado. Diante daquele pico o padre Pedro Maria Boss imaginou que ali se poderia erigir uma enorme estátua de Cristo e então pediu ajuda à Princesa Isabel para erguer o monumento. A princesa, que não tinha de onde tirar recursos para tal extravagância, nada pôde fazer.

A idéia só voltou à tona em 1921, para marcar a comemoração do Centenário da Independência do Brasil, que aconteceria no ano seguinte. A intenção agora era fazer um monumento em bronze, para ser colocado no alto do Pão de Açúcar.

Da primeira reunião oficial destinada a discutir o projeto e o local para a edificação do monumento, surgiu a primeira dúvida: onde assentar a estátua? No Corcovado, no Pão de Açúcar ou no Morro de Santo Antônio? Venceu a opção pelo maior dos pedestais. E assim a pedra fundamental da construção do monumento foi lançada no dia 4 de abril de 1922.

Diferente do que muitos pensavam (inclusive eu), o Cristo Redentor não foi um presente dos Franceses, mas o resultado do trabalho do engenheiro Heitor da Silva Costa (na foto com a maquete da estátua).

Foi na Europa, que Heitor escolheu o arquiteto Paul Landowsky para desenvolver o projeto, executar a maquete definitiva do Cristo e estudar problemas de construção e de base. Em 1928, uma comissão de técnicos examinou estudos, projetos e orçamentos. Vários materiais foram cogitados para o revestimento da estátua, mas por fim foi escolhida a pedra-sabão, que embora seja um material fraco, é extremamente resistente ao tempo e não deforma nem racha com as variações de temperatura. O próprio Morro do Corcovado forneceu toda a pedra sabão necessária para a obra.

Em 12 de outubro de 2006 o Cristo completou 75 anos, transcendendo o simbolismo religioso para se tornar um ícone da cidade. Católicos ou não, todos se rendem à grandiosidade da enorme estátua art deco que reverencia o Rio de Janeiro e é por ele reverenciado.

No mesmo ano a fundação New 7 Wonders estabeleceu um projeto para escolher as novas sete maravilhas do mundo contemporâneo. Além do nosso Cristo fazem parte da lista os "Moai" (as grandes estátuas da Ilha de Páscoa), a grande muralha da China e Machu Picchu.

Em 1º de Janeiro o concurso para eleger as novas sete maravilhas foi lançado, com vinte e uma "maravilhas" pré-selecionadas. O concurso acaba no dia 7 de setembro de 2007 e metade dos fundos arrecadados no projeto serão destinados à restauração de patrimônios em risco ao redor do mundo.

Clicando no link podemos votar no Cristo, além de outras 6 maravilhas. Mas o Redentor é o único brazuca da lista!
Eu votei no Cristo, em Machu Picchu, nos Moais, em Petra, no Taj Mahal, na Muralha da China, e na Acrópole da Grécia. Todos à exceção do Cristo foram feitos há trocentos anos atrás, fato que, para mim, os torna ainda mais maravilhosos.

Alguns detalhes sobre o Cristo:

Localização - Cume do Morro do Corcovado, 710 m acima do nível do mar
Altura da estátua - 30m
Altura do pedestal - 8m
Altura da cabeça - 3,75m
Comprimento da mão - 3,20m
Distância entre os extremos dos dedos - 28m
Peso da estátua - 1,145 toneladas
Peso da cabeça - 30 toneladas
Peso de cada mão - 8 toneladas
Peso de cada braço - 57 toneladas
Direitos de exploração de imagem: Mitra Arquiepiscopal do Rio de Janeiro (embora haja disputa com os herdeiros dos envolvidos na concepção da obra).
Melhor citação, referência ou apropriação indébita da sua imagem: Joãzinho Trinta e o carnaval "Ratos e Urubus Larguem minha Fantasia", que trouxe o Cristo empacotado (refêrencia ao artista Christo) com uma faixa dizendo "Mesmo Proibido Olhai Por Nós".

Um comentário:

amanotyper disse...

Eu ja votei tambem Alarcao...poh, que desenho manero esse do Cristo hein !!
Aliás curto muito todos os seus desenhos. Será sempre uma grande honra te-lo tido como mestre.
Abracao !