14.9.07

Bienal do Rio

Aos ligados nos biblioassuntos mais recentes, falemos da Bienal do Rio, que começou indagorinha há pouco.

Minha primeira dica é passar no estande da editora espanhola Edições SM (digo, sua filial no Brasil).
Procurem pelos infantis da série ABC, e não deixem de ver os livros ilustrados por artistas excepcionais, tanto daqui do Brasil (Cárcamo, Alê Abreu) e do exterior.
O livro ABC Judaico estará à venda, e o considero o meu melhor trabalho recente. Clicando no "guia de leitura", você vai conhecer mais a fundo o conteúdo do livro.

As outras dicas eu não sei, pois não tive tempo de acompanhar o assunto. Fui!

2 comentários:

Marcos disse...

Encarei as duas horas de viagem (ufa!) e lembrei por que não tinha ido à última... Pô, acho a Bienal um ótimo programa pra quem não costuma entrar em livraria. Só valeu a pena pela penca de Sandman e Vertigo a R$ 2 na Comix (mesmo assim não consegumos completar a Estação das Brumas, ficou faltando um).

Mas eu fui na SM sim e dei uma boa folheada no ABC Judaico, belíssimo trabalho. Aliás, várias coisas boas no estande.

Mauricio disse...

Diga Renato,

O livro ficou lindo, parabéns. A riqueza das ilustrações é maravilhosa. Mostrei pra minha sócia outro livro que vc ilustrou, um de capa azul, quadrado - não lembro o nome agora.

O stand da SM é de muito bom gosto.

Um grande abraço.