26.11.06

O triunfo da Pintura


Quando eu terminar de escrever este post já estarei nos primeiros minutos do dia 26 de novembro.
O blog vai ficar um tempinho de lado pois estou no meio de um turbilhão...
Preparei recentemente um datashow para uma aula abordando um pouco da história e importância do desenho até o século XXI. Puta tema interessante, mas que infelizmente teve que ser apresentado em 50 minutos e com pouco menos de 40 imagens. O lado positivo é que isso me obrigou a escolher dentre muitos somente os que achei mais interessantes.
Dentre outras coisas falei de Lascaux, de Joseph Campbell e os mitos, de Durer e os iconoclastas na Alemanha da Reforma de Lutero, das gravuras de Rembrandt, Goya e Kathe Kollwitz, dos artistas Picasso, Matisse, Diego Rivera, e também a Secessão de Viena (da qual Klimt era membro). Mostrei croquis de Niemeyer, Lucio Costa e Le Corbusier, projetei as coisas que estão sendo feitas na arquitetura contemporânea quando se usa o computador para desenhar, falei de Raymond Loewy e seu Streamlining, mostrei desenhos do diretor Akira Kurosawa, falei de Will Eisner e Maus, da street art, grafitti e intervenções urbanas. Mostrei os cadernos do Gauguin, os croquis de Degas e as confissões visuais de Frida Kahlo. Cheguei até a nova onda de arte figurativa iniciada indagora pela galeria Saatchi de Londres. Essa é a mesma que lançou o "Sensation" (grupo que tinha Damien Hirst e seus tanques de formol com tubarões e bezerros fatiados, e também a excelente pintora Jenny Saville). Em breve falo deles aqui.
(Quando eu resolver aprender a editar a parte gráfica do blog juro que transformo em links ativos todos estes nomes que citei!)
Pois é, a mesma galeria Saatchi está lançando agora a novidade "In Triumh of painting", que é uma nova onda de arte figurativa. Os responsáveis por este revival no desenho da figura humana são os chamados "Young German Artists" (o assunto deu até capa no caderno "Mais" da Folha de São Paulo há um tempo atrás). Alguns destes artistas vieram de uma antiga escola de arte que funciona na cidade de Leipzig, antiga Alemanha comunista. Diz-se que o currículo por lá segue com uma forte carga de aulas de modelo vivo, composição, pintura, etc
Para saber o que é o "In Triumh of painting" vá em http://www.saatchi-gallery.co.uk
A imagem que acompanha este post é do Daniel Richter, que faz algo que os críticos e teóricos -sempre eles - já rotularam de neo-surrealismo.
Assim que a água baixar por aqui e eu conseguir botar a cabeça pra fora, retorno com uns rabisquets meus e de outrem.
Esse lance de escrever para meia dúzia de amigos notívagos é coisa de desocupado mesmo.
Se alguém escrever "até" me animo a passar por aqui

8 comentários:

Schubach disse...

Hey!

Eu leio sempre! Embora não comente... comentários devem ser inteligentes e geralmente não creio ter muita coisa a acrescentar.

Acho q suas idéas e conheceimentos são uma boa fonte de beberagem.

Não desanime! =D

Keep Writting Red Label.

Aline Coelho disse...

anime-se , anime-se! sua meia dúzia (ah a modéstia) de amigos notívagos muito aprecia seus textos e dicas e tais. :)

Julio Carvalho disse...

Eu também sempre leio e admiro seus textos Alarcão. No meu blog tem um link pro Alarcrônicous. Juro que vou comentar..
Quanto aos links ativos, se quiser, me ligue que eu te ajudo. 21365155 ou 91128618.

abraços,

Julio.

caco moraes disse...

grande alarcão!
legal esse curso, hein? quem sabe vai parar no estudio marimbondo...
quando puder, mande os links, sim.
essa pesquisa sobre historia da arte é sempre interessante.
abração
caco

Silvana Andrade disse...

Eu também leio.
E também me interessei pelo tal curso.
bjs,
Silvana

montalvo disse...

Pena que estes cursos legais só aconteçam no Rio.

Seria legal promover um mês Alarcônico aqui em Sampa, que certamente passaria voando, mesmo que fossem 12 horas por dia, 7 dias por semana.

Enquanto isto não acontece, vou frequentar o blog com maior frequência, já que esta é minha primeira visita.

*clic* favoritos *clic*

Abraços

Montalvo

Pablo Aguirrre disse...

Nossa, seu blog é estupendo, passo horas vendo os posts antigos, como esse. Gostei muito desse post particularmente, me resgatou na memória nomes de grandes artistas que tavam lá atrás semi esquecidos, é sempre bom dar uma refrescada e rever os trabalhos deles, chega a dar um fôlego extra pra novas criações.

Parabéns pelo seu blog, interessantíssimo!
Grande abraço

Alarcão disse...

Caro Pablo Aguirre, eu é que agradeço a sua visita. Acabei voltando aqui atrás no tempo junto contigo para reler o que eu mesmo havia escrito há anos atrás.